Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Comentários recentes

  • Anónimo

    Obrigado, Mano,por mais uma bela crônica sobre nos...

  • Anónimo

    Que triste pensar nas “ruínas” que já foram palco ...

  • Anónimo

    Que dizer?Esperar para crer?Crer que não adianta e...

  • Thais

    Que texto lindo!! Me emocionei com suas palavras. ...

  • Anónimo

    Só não conheci o Sr. José pessoalmente, mas sei ...






ILHÉUS, CORAGEM!

por feldades, em 22.12.17

Numa ilha inóspita, a muitas milhas da civilização, há uma escola em que...

 

Teve aluna mandando o professor tnc; mas teve professor que não foi tnc, e fez queixa policial da aluna que o mandou tnc.

 

Teve professor vociferando e apontando covardemente o dedo para uma colega; e teve professor devidamente enquadrado por ‘grunhir’ covarde e ferozmente com a colega.

 

Teve professor exigindo decência de quem lhe apontaria o dedo; e teve professor comportando-se “civilizadamente” após reprimenda de quem não aceitou o ‘dedo apontado’.

 

Teve aluno agredindo verbal e fisicamente o colega de classe; e teve aluno agredindo física e verbalmente uma funcionária da escola.

 

Teve pai de aluno ameaçando veladamente um professor durante reunião; mas teve alguém pedindo explicação ao homem que ameaçava veladamente o professor.

 

Teve pai de aluno ameaçando agredir professor com barra de ferro; e teve pai dizendo não se tratar de ameaça, mas de conversa “amistosa”.

 

Teve professor sugerindo em redes sociais malversação de dinheiro público por colegas; e teve professor exigindo a explicitação da acusação de desvio de verbas.

 

Teve professor apagando das redes sociais calúnia contra colegas; mas teve professor bloqueado em rede social por confrontar colega caluniador.

 

Teve professor que não deu aulas; teve professor que fingiu dar aulas; mas teve professores que deram aulas; e teve promoção de quem que não “professou” a profissão de professor.

 

Teve aluno que fingiu participar das aulas e foi aprovado; teve aluno que não assistiu às aulas, não fez provas e não foi reprovado; mas teve alunos que foram merecidamente aprovados.

 

Noutra ilha ainda mais distante da civilização...

 

Teve diretora trancafiando alunos e professores com cadeado; teve aluna grávida, passando mal por não ter acesso ao banheiro; e não teve ninguém capaz de derrubar a infame ‘tirana’ e sua “bastilha”.

 

Nessas duas “ilhas” teve de tudo neste ano: teve traições aos borbotões; também teve lealdade em pequenas proporções.

 

Teve pequenas alegrias em diminutas gotas; e teve uma torrente cristalina de felicidade formada pelas gotículas de alegria.

 

Para o ano que se avizinha...

 

Há um imenso deserto a ser atravessado; há incontáveis batalhas a serem travadas; e há de haver sucessos, ainda que intercalados de fracassos.

 

Com destemor e sem rancor – a passos firmes e decididos, sem que a vida “murche’ – os ilhéus vamos marchando. Pois disse Guimarães Rosa, o poeta das ‘sertanejas veredas’, que “a vida quer é coragem”!

 

FILIPE

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 28.12.2017 às 02:00

Que poesia louca!
A vida de professor é mesmo dura! Mas parece que se complicou atualmente para mais de metro! Enquanto isso, vamos poetar! O sonho que a gente sonha utopia pode ser, mas se um povo inteiro sonha faz a paz acontecer - cantava o Pe. Zezinho. Valeu, bons professores! Valeu alunos dedicados! Quem ganha é o Brasil, que ultimamente só tem perdido... (Freizinho)
Sem imagem de perfil

De Aureliano a 20.01.2018 às 11:48

O "ilhéus" revela o que se passa na sociedade e dentro de cada ser humano. Lamentável é o fato de se experimentarem tantos desencontros, intrigas e traições dentro de um espaço de onde se esperam lealdade, educação, iluminação (a-luno=sem luz).
Em meio às desilusões e traições, resta-nos alimentar a utopia e a lealdade sempre.

Comentar post





Comentários recentes

  • Anónimo

    Obrigado, Mano,por mais uma bela crônica sobre nos...

  • Anónimo

    Que triste pensar nas “ruínas” que já foram palco ...

  • Anónimo

    Que dizer?Esperar para crer?Crer que não adianta e...

  • Thais

    Que texto lindo!! Me emocionei com suas palavras. ...

  • Anónimo

    Só não conheci o Sr. José pessoalmente, mas sei ...